NÉFILIM CHAMA ATENÇÃO AOS RAPPER´S DE CABINDA



Reflectindo sobre o movimento Hip-Hop Cabinda e depois de ouvir alguns projectos que estão por saír/ que já saíram, e e porque tenho sido alvo criticado por alguns internautas e não só, resolvi fazer aqui uma chamar a atenção aos rapper´s/mc´s da minha querida Tchiwoa (Cabinda). 

Nada contra os rapper´s/grupo de rapper´s da banda mas verdade tem de ser dita, existe muitos a lançarem apressadamente e a seguiram a moda, mudanças radicais de vibes acompanhado o que está abater ou o que está na moda e acabam saindo piores do que já eram. Hoje em dia já não se admite que um músico leva a portaria produtos com péssimas qualidades, erros ortográficos, erros de mistura, ideias mal arquitetadas, dificultardes de expressão, etc, etc.

O músico tem de ser amigo da leitura, tem de estudar, se formar, a medida em que a idade avança a sociedade vai te cobrando mais maturidade na escrita, amadurecimento, mais conhecimento e maior sanidade nas suas músicas. Não basta lançares, reflicta antes de lançar e tenta responder a si mesmo as seguintes questões: "O que lançar? Porque lançar?, como lançar?, onde e quando lançar?, será qua que estou preparado?".

 Não te julgas preparado apenas porque recebeste um elogio de um amigo, vizinho ou algum familiar ou porque te aplaudiram em algum show. Procura sempre aprender dos outros, baixar os ombros  e acima de tudo, seja humilde o suficiente para reconhecer suas fraquezas/erros e tentar superá-las/concerta-los em cada letra que escreves ou em cada som que dropas. 

Evite copiar aquilo que o outro faz, se ele fez tu também podes fazer mas do teu jeito, porque entre o original e a cópia de certeza que o público preferirá sempre o original e no final das contas não passarás apenas de um aventureiro a tentar imitar aquilo que o outro já fez, seja criativo e crie a sua própria identidade, não tenha pressa, trabalhe com garras, dentes e unhas porque quando o trabalho é bom o mérito vem por si. Não lance só porque viste o outro lançar, tu e ele não estão no mesmo nível, não são iguais e nem sabes sob que condições ele lançou. A pessoa que tu imitas é referência hoje, é alguém que te inspira neh? Então Afirma-te também, define-te, seja tu mesmo para que amanhã tu venhas a ser referência e fonte de inspiração alguém também.

Neste meu trabalho de blogger/promotor por vezes recebo criticas de pessoas que acompanham meu trabalho e baixam músicas em nosso blog de que os rapper´s de Cabinda ou são cópias do NGA (Força Suprema) ou então Abdiel (Elenco de Luxo), já me deparei em situações em que estou a ouvir sons com alguém e logo que toca algum rap de Cabinda se lembra logo de alguns desses artistas que mencionei acima ou outro.

Manos Cabinda ta seguir a bom ritmo em termos de rap, não estamos muito bem mas, estamos melhor que muitas províncias, por favor vamos criar a nossa própria identidade, vamos trazer uma peça nova no puzzle do rap angolano, vamos fazer diferente e sermos diferentes, só assim conseguiremos nos firmar no mapa do rap angolano. Pare de ser NGA, tu não és NGA, o NGA considera-se "REAL NIGGA" porque fala de sua vida em suas letras. Seja real também e fala da tua própria vida(a tua vida mesmo) nas suas letras. Crie teu próprio flow e sejas o reflexo de si mesmo nas suas letras.

Quero parabenizar todos os verdadeiros rapper´s que nunca comprometeram a integridade de suas músicas pelas tendências da moda e da fama fácil.

O nosso Rap tem que ter a nossa matricula “CBA”, e é esta matricula que temos de carimbar  no mural do Hip-Hop Lusófono. Tudo é possível basta querermos.

Cabinda Nós Podemos e Juntos Venceremos esta Árdua Luta que Já Há Muitos Anos Perdura.
Paz
Néfilim
Revoluciona a tua mente


Partilhar no Google Plus

Sobre: Néfilim Hespanhol

12 Transfusons.
Enviar um comentário